A Procuradoria-Geral República requere que se anule um memorando de entendimento entre o Ministério dos Transportes e Comunicações e a Cornelder, por haver conflito de interesse. O acordo foi assinado pelo ministro Carlos Mesquita e seu irmão.

Enviado em 17/10/2017
|