Quem também foi ouvido pela comissão parlamentar de inquérito foi o Presidente do Conselho de Administração das três empresas financiadas pelas polémicas garantias do Estado. António do Rosário revelou que o que ficou conhecido como dívidas

Enviado em 26/09/2016
|