Elias Moiane assume que recebeu procuração para comprar casas com o dinheiro que a sua tia, Inês Moiane, recebeu do Grupo Privinvest. O réu diz também que após a compra, as casas foram registadas em nome das filhas da ré Inês Moiane. Diz que

Enviado em 09/09/2021
|