Entre os dias 23 e 31 de Dezembro pelo menos três pessoas foram vítimas de malfeitores